Como Comprar uma Câmera Lomo?

Hoje em dia, qualquer pessoa pode se transformar em um bom fotógrafo usando os programas de edição e filtros. Mas há quem não abra mão de uma câmera analógica, que possibilite todos esses efeitos. Por isso, em plena era digital, a marca russa Lomo ainda consegue vender as velhas câmeras com filme. Esse tipo de máquina, originalmente bem barata, possibilita efeitos artísticos bem interessantes.

Histórico da LOMO

Fisheye

Foto tirada com uma câmera do tipo “olho de peixe”

A sigla LOMO significa Leningradskoye Optiko Mechanichesckoye Obyedinenie, algo parecido com União de Óptica Mecânica de Leningrado, em português. A fábrica foi criada na antiga União Soviética, por volta de 1914. As primeiras câmeras fotográficas vieram na década de 30, com baixo custo e lentes de plástico. Foi justamente esse lado “barato” das lomos que despertou o interesse. Por causa das lentes de plástico, as fotos obtidas tinham cores estouradas, que deixavam as imagens diferentes. De acordo com a Wikipedia:

A “Lomomania” propriamente dita começa em Praga em 1991, quando dois jovens vienenses, de férias na capital da República Checa, descobriram a máquina Lomo. Começaram então a fotografar tudo, muitas vezes sem sequer olhar através da objectiva. De regresso a casa, o fascínio dos dois fotógrafos pela cor, a luz e a qualidade das imagens (focadas ou desfocadas) foi tão contagioso que rapidamente a moda das Lomo se espalhou entre os jovens da cidade (Fonte: Wikipedia).

Os Principais Modelos

Os modelos mais famosos são os que permitem grandes efeitos. Algumas câmeras contam com geis coloridos que podem ser colocados sobre as lentes, criando o efeito de filtro. As do tipo “olho de peixe” captam imagens com 170º de visão (como no exemplo acima). Para facilitar, listamos os principais modelos:

Diana Mini

Diana Mini

Diana F+

O modelo foi lançado na década de 60 e o F indica a presença do flash. Ela usa filme de 120mm (com possibilidade de adaptação para 35mm) e tira fotos em dois formatos diferentes. A Diana conta ainda com 12 tipos de gel colorido que podem ser usados para alterar o efeito das fotos. Existe também a Diana Mini, bem parecida com sua antecessora, mas menor e com a facilidade usar os filmes de 35mm (bem mais fáceis de serem encontrados).

Olga CFN 120

A Olga é a mais clássica das câmeras LOMO. Ela tem flash embutido, lentes plásticas e utiliza filmes de 120mm. O foco é manual, com 4 opções diferentes de distância.

Fisheye One

O modelo Fisheye (olho de peixe) também é um clássico. Como dissemos, ela capta fotos com visão de 170º, dando um efeito distorcido, em formato circular – lembrando um olho de peixe. O flash também é embutido e o filme usado é de 35mm.

Actionsampler

Actionsampler

Actionsampler

Com visual super diferente e colorido, a Actionsampler custa bem pouco. Em uma mesmo quadro, ela registra 4 cenas diferentes. Assim, as fotos ganham movimento, além de cores chamativas. Ela ainda é bem simples e utiliza filmes de 35mm.

Sprocket Rocket

Este modelo tira fotos panorâmicas com um estilo a mais: aquelas perfurações dos filmes aparece na imagem. Com ela, é possível tirar fotos diurnas ou noturnas. E o filme também é de 35mm.

Onde Comprar no Brasil?

O mais surpreendente é que, apesar do sucesso, essas câmeras ainda são baratas: a maior parte custa menos de R$300,00. Aqui no Brasil, o melhor lugar para comprar uma LOMO é revendedor autorizado da marca: www.marinho.com.br. O site é confiável e oferece, além das câmeras, todos os itens necessários para você adentrar o mundo da lomografia.

Postado por Emília Silva. Veja mais dicas em Outros e também com características semelhantes: , , , , , , , ,
RSS por email

Deixe sua opinião “Como Comprar uma Câmera Lomo?