Dicas Para Comprar uma Adega Climatizada

Quem gosta de vinhos sabe que a temperatura em que a bebida é consumida interfere diretamente em sua apreciação. Dependendo da uva, da marca e do processo de produção, o vinho pode ser recomendado para temperaturas mais elevadas ou mais baixas, de modo a preservar o sabor e o aroma originais. A melhor maneira de garantir a temperatura correta é por meio de uma adega climatizada, que garante o armazenamento correto da bebida.

A Escolha de Uma Adega Climatizada

Se você está pensando em adquirir uma adega climatizada para a sua casa, vale a pena conhecer um pouco mais sobre a variedade de produtos disponíveis no mercado. Hoje vamos falar sobre os diversos modelos para que você possa escolher aquele que melhor atende às suas necessidades.

Tamanho da Adega

Os tamanhos de adega climatizada são definidos pela quantidade de garrafas que ela é capaz de armazenar. Existem modelos que armazenam desde 8 garrafas até centenas de unidades, dependendo da necessidade de cada pessoa. Normalmente os modelos mais comprados são os de 12 a 24 garrafas, que permitem o armazenamento de um bom número de vinhos, mas sem exageros. Se você não tem o hábito de guardar muitas garrafas da bebida em casa, um modelo para 8 garrafas pode atender bem. Já os apaixonados que compram vários vinhos diferentes precisam de adegas um pouco maiores: de 48 a 60 garrafas. O ideal para essa decisão é pensar no tamanho que você realmente vai usar.

Refrigeração dos Vinhos

Adega para vinhos

Adega para vinhos

Outro fator importantíssimo é a capacidade de refrigeração. Dois modelos são comumente vendidos: os com refrigeração termoelétrica e os com compressor. Nos modelos com resfriamento termoelétrico, a temperatura externa à adega interfere na temperatura interna. Isso quer dizer que se o lugar onde você mora é muito quente, algo comum aqui no Brasil, os vinhos não serão armazenados em temperatura adequada. Já os modelos com compressor possibilitam o ajuste de temperatura, havendo produtos que possuem compartimentos com temperaturas diferentes. Esse tipo é mais adequado para o nosso clima, mas pode pesar no preço da conta de luz.

Travas de Segurança

Vários modelos existentes hoje possuem travas de segurança e alarme para o caso da porta ser esquecida aberta. Esses acréscimos podem parecer supérfluos, mas esse cuidado com a porta da adega interfere, e muito, na qualidade dos vinhos armazenados. Se você esquecer a porta aberta durante alguns minutos, isso pode provocar uma oscilação na temperatura. Essa mudança rápido costuma não só reduzir a qualidade do vinho como até mesmo vinagrá-lo. Ainda com relação às portas, é fundamental que elas tenham proteção contra raios UV, que também alteram a qualidade do vinho.

Outras Dicas:

  • Observe se o compressor da adega vibra muito, pois isso pode danificar os vinhos com o passar do tempo;
  • Confira antes de comprar se a marca escolhida possui boa reputação e se a assistência técnica funciona adequadamente;
  • Tenha em mente que sua adega deverá ficar em um espaço da casa mais fresco, longe de muita luz e exposição solar;
  • Procure informações sobre a temperatura adequada para diferentes tipos de vinhos.

Seguindo essas recomendações, você poderá acertar na escolha e economizar com a compra de sua adega climatizada!

Postado por Emília Silva. Veja mais dicas em Eletrodomésticos e eletrônicos e também com características semelhantes: , , , ,
RSS por email

Deixe sua opinião “Dicas Para Comprar uma Adega Climatizada