Comprar no Paraguai

Há alguns anos atrás, fazer compras no Paraguai significava comprar “falsificados”. Mas os tempos mudaram e, hoje em dia, existem muitas lojas de produtos originais no Paraguai, com preços bem acessíveis, o que não quer dizer que as falsificações deixaram de existir. Exatamente por isso, o país continua sendo muito procurado por turistas que desejam fazer compras e também fazer um passeio diferente.

Se você deseja ir ao Paraguai fazer umas comprinhas, veja algumas dicas importantes:

Dicas de Compra no Paraguai

Paraguai

Dicas de Compras no Paraguai

A primeira dica é levar dólares em dinheiro para fazer as compras. Eles até aceitam reais ou cartões de crédito, porém, serão cobradas algumas taxas e, no final, o produto pode até sair mais caro do que no Brasil. Sempre que puder, leve os dólares em mãos. Coloque em local seguro e fique sempre atento para não perder ou ser roubado.

Falando em roubo, muitas pessoas se preocupam em ir para o Paraguai por já ter ouvido falar que se trata de um país perigoso. A verdade é que se trata de um país normal, com pessoas normais. Infelizmente, sempre pode haver algum mal intencionado e, por Ciudad del Este ser uma cidade muito movimentada, geralmente com turistas andando pra lá e pra cá com produtos de valor, pode dar a impressão de cidade perigosa. Não é tão perigosa assim, mas não custa ficar atento.

Alguns produtos e marcas são bem mais caros no Brasil. Porém, é bom fazer uma pesquisa antes de viajar, pois muitos desses produtos saem pelo mesmo valor aqui e no Paraguai. Alguns turistas que já tiveram a experiência dizem que as maquiagens e produtos para cabelo não costumam levar vantagem em relação aos preços do Brasil.

Acessórios de informática e câmeras digitais podem ser encontrados com bons preços, mas é preciso procurar bastante e comparar os valores, de loja em loja.

Limite de Compra

Não adianta se empolgar com os preços e comprar o Paraguai inteiro. Existe um limite de cotas máximas para compras internacionais, que hoje é de  US$ 150,00. Por isso, fique atento aos valores trazidos para o Brasil, pois você pode ser barrado na alfândega.

O legal é evitar levar aparelhos eletrônicos na ida, pois não há um formulário que prove que esses produtos já eram seus. Se for inevitável levar, a dica é levar também a nota fiscal do produto. Na volta ao Brasil, você terá que preencher um formulário sobre o que foi comprado no Paraguai. A Polícia Federal está em busca de eletrônicos, mas caso você tenha uma quantidade muito grande de algum produto, pode ser visto como contrabando e eles podem confiscar. Por isso, vale a pena pensar antes de comprar.

Postado por Fabiana. Veja mais dicas em Dicas, Viagem e também com características semelhantes: , , , , ,
RSS por email

Deixe sua opinião “Comprar no Paraguai